Domingo, 26 de Maio de 2019 Fale Conosco Redação: (45) 9.9800-7080

Coletores demitidos contestam falta de pagamento em frente a empresa

Toledo | 15/03/2019 | 19:28 |
| Fotos: Toledo News |
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
A greve dos coletores de lixo, que ocorreu entre os dias 01º e 06 de março continua rendendo em Toledo. Na tarde desta sexta-feira (15), uma grande parcela dos 26 funcionários demitidos pela empresa após a paralisação foram até a sede da Transportec, no Jardim Planalto para reivindicar o seu acerto e os salários referentes ao mês de fevereiro.

De acordo com os funcionários o salário do mês de fevereiro que deveria ter sido pago na última sexta-feira (06), ainda não foi quitado, assim como o acerto. Eles ainda informaram que os três funcionários demitidos no mês de janeiro não tiveram a sua situação regularizada até o momento. 

Um dos funcionários relatou que nem mesmo a sua carteira de trabalho foi devolvida pela empresa e que isso tem o atrapalhado na busca por um novo emprego. “A gente ainda não recebeu a nossa carteira de trabalho e isso tem prejudicado muitos de nós, pois muitos já estão com outros empregos acertados, mas ainda não começaram porque estão sem a carteira de trabalho”, disse o funcionário.

Alguns dos funcionários também cobraram atitudes da prefeitura junto a empresa e uma posição mais firme sobre a situação, principalmente por parte do prefeito, Lucio de Marchi (PP). No dia 06 de março, data em que os 26 funcionários foram demitidos o secretário de Meio Ambiente do município, Neudi Mosconi disse que a prefeitura não concordava com as demissões, porém estava de mãos atadas por se tratar de uma decisão que diz respeito a empresa. A prefeitura ainda não se posicionou sobre as cobranças feitas pelos funcionários na data de hoje.

De acordo com o advogado que tem representado os funcionários demitidos, Charles Schneider a empresa entrou em acordo com o Ministério Público (MP), e tinha até esta sexta-feira para quitar as pendências com os funcionários demitidos o que não aconteceu.

“A empresa descumpriu o acordo que tinha com MP e não efetuou o pagamento dos funcionários. A advogada da Transportec nos informou hoje às 12h que o pagamento não seria realizado, porque a empresa não tinha a quantia no momento e só efetuará os pagamentos no dia 22”, informou o advogado.

Charles ainda mencionou que foi realizada nesta tarde a homologação da rescisão contratual dos funcionários demitidos, com a ressalva de que não houve nenhum pagamento. “Essa homologação foi feita para que eles tenham uma garantia de que vão receber o FGTS e também para que aqueles que têm direito possam encaminhar o seguro desemprego”, explicou Charles.

Segundo Charles a empresa alegou não ter feito os pagamentos por conta de bloqueio em suas contas na cidade de Araucária, na região metropolitana de Curitiba. Charles alegou que é pouco provável que uma empresa desse porte não tenha o montante necessário para o pagamento de seus funcionários.

A Transportec (empresa responsável pela coleta de lixo orgânico em Toledo ainda não se pronunciou publicamente sobre o não pagamento dos salários e acertos.

A coleta de lixo orgânico em Toledo está sendo realizada normalmente desde o dia 06 de março com os mesmos caminhões que foram liberados pelo Ministério Público até a conclusão das investigações. Novos funcionários foram contratados pela empresa para que o serviço seja mantido em sua plenitude.

A Polícia Civil e o Ministério Público estão realizando perícias e toda uma investigação a respeito de uma possível adulteração na placa dos caminhões denunciada no dia 02 de março. A prefeitura aguarda a conclusão das investigações para tomar uma posição a respeito da continuidade ou não do contrato de prestação de serviço, que tem validade até março de 2020.

MAIS FOTOS
PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER E RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS POR E-MAIL
Participe do nosso grupo no WhatsApp