Domingo, 26 de Maio de 2019 Fale Conosco Redação: (45) 9.9800-7080

Procura por armas de fogo aumenta 30% em Toledo

Toledo | 15/03/2019 | 14:55 |
| Fotos: Toledo News |
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Em meio às modificações na lei que descreve a posse de arma de fogo e os massacres de Suzano-SP e na Nova Zelândia, as discussões sobre a legalização da arma de fogo voltaram as conversas de todos os brasileiros, que em sua maioria têm divergido opiniões sobre o tema. Em Toledo os lojistas informaram um aumento de aproximadamente 30% na procura por armamentos, munições e demais artigos de caça.

Um dos vendedores de uma loja de Caça e Pesca em Toledo confirma o aumento da procura por armas de fogo em mais de 30% no estabelecimento nesses três meses de 2019. “A procura por armas de fogo aumentou significativamente nos últimos meses. As pessoas estão curiosas pesquisando por preços, modelos de armas, munições e demais artigos de caça”, informou.

O vendedor ainda revelou que muitas pessoas tem procurado a loja para entender um pouco sobre as mudanças no decreto de posse de arma de fogo, assinado pelo presidente, Jair Bolsonaro (PSL), no mês de janeiro. “A maioria das pessoas ficou bem curiosa com as mudanças e tem nos procurado em peso para entender melhor essas mudanças e quem sabe viabilizar a compra de uma arma”.

De acordo com o vendedor a maioria das pessoas que procurou a loja estão interessados em armas curtas para a defesa pessoal como revólveres e pistolas de calibre 12 e 38. Já os moradores das áreas rurais estão em busca de armas longas, tanto para defesa pessoal, quanto para caça como espingardas de calibre 12, 32 e 36.

Faixa etária

Quanto à faixa etária os lojistas mencionam uma procura aleatória, indo de jovens com pouco mais de 20 anos, até pessoas idosas, é o que relata o vendedor, que se impressionou com a procura por alguns jovens.

 “As idades das pessoas que têm vindo até nós para se informar sobre os valores e trâmites para adquirir uma arma são bastante aleatórias e vão de jovens até pessoas de mais idade. O que nos impressionou foi a grande quantidade de pessoas com menos de 25 anos querendo informações sobre as armas, tendo em vista que para ter a posse ou porte de uma arma de fogo é necessário que a pessoa tenha 25 anos ou mais”, informou.

Vendas não aumentam significativamente

Se a procura para saber informações sobre as regras para ter a posse de uma arma de fogo aumentaram de maneira significativa em mais de 30% no ano de 2019, o número de armas vendidas não teve um aumento relevante.

O vendedor ressalta que houve um pequeno aumento no número de vendas de armas de fogo, porém esse aumento foi irrisório se levados em conta a elevação na procura por informações. “Todos parecem estar bem curiosos para saber como funciona para ter uma arma e também para ter uma noção maior sobre os preços e modelos disponíveis, no entanto o impacto nas vendas ainda não se mostrou relevante, principalmente se levarmos em consideração todos os comentários e debates que estão surgindo acerca desse tema”, esclareceu.

Região também sente aumento na procura por armas

O aumento da procura de armas de fogo em 2019 não é exclusividade de Toledo e pode ser observado em inúmeros municípios da região. Marechal Cândido Rondon é uma dessas cidades, onde as vendas de armas aumentaram entre 10% e 15%, com pessoas que nunca cogitaram ter um armamento indo até as lojas para adquirir um revólver ou uma pistola.

De acordo com lojistas da cidade vizinha, muitas pessoas tem ligado e ido até os estabelecimentos para entender as novas regras sobre o porte e posse de arma, quebrando um tabu que sempre existiu de que armas são proibidas.

Clubes de tiro também tem aumento no movimento

Outro setor a sentir um aumento no movimento e na procura pelo serviço foram os clubes de tiro. Um dos clubes a sentir um aumento de procura significativo foi o Clube Guairacá, da cidade de Cascavel.

O Clube cascavelense tem recebido várias pessoas de Toledo nos últimos meses. Desde o mês de junho de 2018 20 pessoas de Toledo se associaram ao Clube, buscando se aperfeiçoar em alguma das modalidades de tiro disponíveis no Guairacá.

De acordo com uma das funcionárias do Clube, Bruna Bolinelli, 36 associados do Guairacá são de Toledo e todos possuem mais de uma arma de fogo. “36 de nossos associados são de Toledo e a maior parte deles está conosco desde o ano passado, proporcionando um aumento significativo em nosso público. Todos eles possuem mais de uma arma, sendo que alguns têm três ou quatro armas, e um deles possui oito armamentos”, informou.

Bruna ainda informa que as armas dos associados de Toledo são dos mais variados modelos e calibres. “Não tem um modelo ou calibre específico utilizado pelo pessoal de Toledo. Os modelos são os mais variados, indo de revólveres, pistolas, até carabinas e fuzis, com calibres variados entre 12 e 38”, revelou a funcionária.

Por Toledo não ter um Clube de Tiro as pessoas interessadas em praticar uma modalidade de tiro esportivo precisam se deslocar até a cidade de Cascavel para treinar. O Clube de Tiro Guairacá não oferece cursos de defesa pessoal e também não oferta armas aos seus associados. O Clube possui uma gama de modalidades a serem praticadas como Tiro ao Prato; Compact Sporting; IPSC; NRA; SR; TRP; Trap Americano Double; entre outras modalidades.  

População curiosa e desinformada

Depois da eleição de Jair Bolsonaro como novo presidente do Brasil, em outubro de 2018 muitas pessoas passaram a acreditar que o acesso da população aos armamentos seria mais fácil e sem nenhuma burocracia, já que Bolsonaro defende que o cidadão de bem, tem o direito de ter uma arma em casa para se defender de possíveis assaltos ou algo do gênero.

Muitas pessoas inclusive tem ido até as lojas de artigos de caça em Toledo achando que não é necessário nem mesmo o registro para se adquirir uma arma de fogo. Essa informação é ratificada pela vendedora de uma das lojas de artigos de caça instaladas em Toledo.

“Tem muita gente vindo até nós pedindo informação sobre a posse de arma e qual o processo a ser feito para se comprar uma arma. Mas o que mais tem nos chamado a atenção é a falta de informação da grande maioria das pessoas que acham que não é mais necessário nem mesmo o registro para comprar uma arma ou munições. Muitos deles acham que é como qualquer outro produto, só chegar e comprar, o que não é verdade”, revelou a vendedora.

O que é necessário para adquirir a posse e o porte de arma

Ao contrário do que muita gente pensa ainda é necessário registrar a arma e passar por todo um processo para conseguir a posse de arma no Brasil. O decreto assinado pelo presidente, Jair Bolsonaro em janeiro apenas flexibiliza esse processo, dando a possibilidade para quem apresente um motivo contundente para ter uma arma de fogo, consiga esse benefício.

Para conseguir a posse de arma o candidato precisa ser aprovado em um exame; ter ficha limpa; ser aprovado em um teste psicotécnico; fazer um curso de tiro; ter residência comprovada em qualquer Estado da nação e ter 25 anos de idade ou mais. Caso a pessoa atenda essas exigências ela estará apta a ter uma arma em sua residência ou no seu local de trabalho, caso seja o responsável pelo mesmo.

A permissão para portar uma arma de fogo continua restrita em todo o país e não foi contemplada no documento assinado por Bolsonaro. A principal mudança verificada no texto assinado pelo presidente foi no que diz respeito aos motivos para que a pessoa solicite a posse como por exemplo, ter um estabelecimento comercial e industrial, residir em área rural ou urbana com altos índices de violência (atendendo os critérios do Governo).

A Polícia Federal continuará analisando se a pessoa realmente tem um motivo pertinente para ter direito a posse. O que muda é que no caso da apresentação dos motivos descritos no documento a PF terá que autorizar a posse.

Qual a diferença entre posse e porte de arma?

Uma pergunta que tem gerado muitas dúvidas na cabeça de vários  brasileiros é no que diz respeito à diferença entre porte e posse de arma de fogo. Muitos tem se confundido quando tentam explicar para amigos e familiares a diferença entre os dois termos.

Posse de arma de fogo

Autorização para manter uma arma de fogo em casa ou em uma residência de campo. A posse de arma também serve para o local de trabalho desde que o proprietário da arma também seja o responsável pelo estabelecimento.

Porte de arma de fogo

O porte de arma de fogo é nada mais nada menos do que um documento que dá a pessoa o direito de portar, transportar, comprar, emprestar, fornecer, ou manter uma arma e munições sob a sua guarda. Para quem quiser sair de casa ou caçar com uma arma é necessário ter o porte, caso contrário está cometendo um ato ilícito.

Permissão

Quem estiver interessado em adquirir a posse ou o porte de uma arma de fogo precisa passar por uma série de exigências, além de ter o pedido aceito pela Polícia Federal (PF). Lembrando que a posse é permitida em todo o Brasil, desde que seja declarado o motivo e a necessidade de se obter a posse. Para o porte é necessária a apresentação dos motivos para os quais a pessoa precisa portar uma arma.

Dados nacionais

Em todo o Brasil o número de armas de fogo registradas na Polícia Federal ultrapassam as 146 mil armas, com destaque para o registro por pessoas físicas com mais de 328 mil e pela segurança privada com mais 244 mil registros. A segurança pública também representa uma grande fatia desse montante com mais de 67 mil registros, de acordo com os dados da PF.
 
A Polícia Federal estima que mais de  87 mil armas foram registradas em todo o país nos últimos dois anos, e outras 78 mil armas foram legalizadas pelo órgão, sendo que de 2014 a 2018 a PF autorizou o registro de posse de 1.212.002 armas no Brasil.

Quanto aos portes que possui um trâmite mais burocrático, foram registrados um total de 31.138 nos últimos cinco anos, em todo o território nacional.

PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER E RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS POR E-MAIL
Participe do nosso grupo no WhatsApp