Rocket Barbearia: Mais do que um corte de cabelo, uma experiência
 
Quarta-Feira, 19 de Junho de 2019 Fale Conosco Redação: (45) 9.9800-7080

Tadeu Schmidt e Poliana Abritta entram na lista dos cortes de salários da Globo

TV | 05/06/2019 | 14:42 |
| Fotos: Divulgação |
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

As reduções nos custos dos mega salários dos contratados da Rede Globo continua e de forma drástica, agora atingindo o setor do jornalismo. Nos próximos dois anos, a emissora deve renovar seu quadro de apresentadores para se adequar a sua nova política salarial.

A Globo deverá fixar o salário para jornalistas que exercem a função de apresentadores na faixa entre R$ 30 e R$ 50 mil. Isso significa uma queda significativa. Como comparativo, Poliana Abritta e Tadeu Schmidt, que comandam o “Fantástico”, recebem em torno de R$ 200 mil, e William Bonner, 600 mil reais. O âncora do “Jornal Nacional”, ou seu substituto, não estaria incluído neste novo teto salarial, porém, também sofrerá uma forte redução. Alguns apresentadores, como Maju Coutinho, que irá substituir Poliana Abritta durante suas férias no “Fantástico”, já estão dentro da nova regra salarial que vem sendo colocado em pratica no canal carioca.

Essa nova política administrativa teria como consequência a redução dos recursos destinados ao pagamento de pessoal do setor. Desta forma, salários como de Poliana Abritto e Tadeu Schmidt seguem o caminho de extinção dentro da emissora. Nos últimos anos, de forma pontual, o grupo vem demitindo veteranos jornalistas, que possuem altos salários, decorrente de anos de casa, e trocando por jovens profissionais, com mão de obra mais barata. Isso vem ocorrendo em diversas funções, desde repórteres, chefes de área ou apresentadores.

 Entenda o caso

Essas alterações bastante significativas da Rede Globo se deve pelo fato de que emissora enfrenta uma forte queda em seu faturamento. De acordo com o balanço anual da Globo publicado em março, em 2018, a redução do seu lucro líquido em relação a 2017 foi de 35%. Para se adequar a este cenário, a Globo planeja reduzir em até 40% os salários milionários de estrelas como Ana Maria Braga, Faustão, Galvão Bueno, Luciano Huck e Fátima Bernardes.


PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETTER E RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS POR E-MAIL