PM de Toledo registra quatro ocorrências de violência doméstica em diferentes situações


Foto: Toledo News

A Polícia Militar (PM) de Toledo atendeu a quatro chamadas relacionadas à violência doméstica em um curto período de tempo, na terça-feira, 09. As ocorrências, todas registradas em diferentes locais da cidade, evidenciam a diversidade de situações enfrentadas pelas vítimas nesse ambiente.

No primeiro caso, a equipe foi acionada para atender um possível descumprimento de medida protetiva de urgência. A vítima relatou que seu ex-namorado estava em frente à sua residência com mais dois homens, ameaçando atear fogo em seus pertences e com ela e seu irmão dentro. Antes da chegada da equipe, o agressor evadiu-se do local. A vítima já havia registrado um Boletim de Ocorrência (B.O) por violência doméstica contra o ex-namorado e solicitado a medida protetiva, que ainda não estava ativa no momento da ocorrência. Em diligências da Polícia Militar, o autor foi localizado e disse que foi buscar os seus pertences e não sabia da medida protetiva. As partes foram encaminhadas à Delegacia para a adoção dos procedimentos cabíveis ao caso.

No segundo caso, a vítima informou que foi agredida pelo ex-marido e que ele se evadiu do local com o filho autista do casal, de sete anos. Ao chegar ao local, a equipe policial conversou com a vítima, que relatou que foi à loja que possui em conjunto com o ex-marido para deixar o filho com ele. Em determinado momento, iniciaram uma discussão e o agressor a agrediu segurando-a pelo pescoço. A vítima não apresentava lesões aparentes e não quis representar contra o agressor. Ela foi orientada sobre os procedimentos cabíveis e a equipe apurou que a criança estava bem na casa da avó materna.

No terceiro caso, a Polícia Militar foi acionada para atender uma possível situação de violência doméstica. Ao chegar ao local, os policiais abordaram os envolvidos, que relataram a seguinte versão: o homem estava conversando com uma mulher em seu carro, em frente à sua residência, quando o ex-convivente da mulher chegou ao local e desferiu um soco no vidro do carro do homem. As partes foram encaminhadas ao cartório da 1ª Companhia para confecção da documentação pertinente.

No quarto caso, a solicitante relatou que teve uma discussão com o seu companheiro devido ao comportamento agressivo dele e por ele estar embriagado, o que a fez se sentir ameaçada. As partes declararam que estão com problemas financeiros que causam brigas entre o casal. A vítima não apresentava lesões e não quis representar criminalmente contra o companheiro. Ela foi orientada sobre a possibilidade de solicitar uma medida protetiva de urgência e informada sobre a rede de apoio e proteção Numape, também conhecida como Núcleo Maria da Penha. O Boletim de Ocorrência foi encaminhado à Delegacia da Mulher de Toledo para a tomada das providências cabíveis a situação.

Receba Notícias no seu WhatsApp!
Participe do grupo do Toledo News
Últimas notícias