Segurança em pauta na visita de presidente do Sintomege ao Corpo de Bombeiros


Foto: Divulgação

O comandante do Corpo de Bombeiros de Toledo, capitão Luis Eduardo Zarpellon, recebeu na última terça-feira a visita do presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Movimentação de Mercadorias em Geral de Toledo, Civaldo Martins de Lima. “Foi uma visita de cortesia para atualizarmos conhecimentos e também para estreitar os laços com essa instituição tão importante para a nossa segurança pública”, disse Civaldo.

O capitão Zarpellon destacou os avanços efetivados no tocante à estruturação do quartel, assim como dos equipamentos a serviço da comunidade, adquiridos com recursos do Funrebom, ou seja, oriundos da própria comunidade. Ele detalhou também o trabalho realizado em Palotina e Assis Chateaubriand, cujas unidades estão subordinadas ao 2º SubGrupamento sediado em Toledo.

Segundo o comandante, muitos avanços ocorreram em Toledo na prevenção de incêndios, o que passa muito pelo rigor na análise dos projetos de novas obras e na observância do cumprimento das exigências legais. O episódio da boate Kiss, em Santa Maria, foi, afirmou, como que um marco divisório com novas leis e normativas que tornaram mais rigorosa a liberação de projetos. “Hoje, com o vigor da construção civil com muitos prédios sendo construídos, a segurança é sem dúvida maior em Toledo”, disse. 

O incêndio na cidade gaúcha matou 242 pessoas e feriu 636 outras. Foi a segunda maior tragédia registrada no Brasil, que deu início a um debate sobre a segurança em ambientes fechados com grande quantidade de pessoas. A responsabilidade da fiscalização dos locais também foi largamente debatida na mídia.

Segundo o comandante, outro fator digno de registro é que as grandes empresas de Toledo estruturaram as suas brigadas de incêndio, atuando na prevenção de ocorrências a partir de treinamentos realizados pelo Corpo de Bombeiros, o que tem contribuído para reforçar a segurança contra incêndios. “São vários casos em que as brigadas atuam prontamente, minimizando danos”, disse.

Segurança no trabalho

Civaldo, por sua vez, detalhou a atuação do Sintomege na captação de postos de trabalho e na defesa dos direitos trabalhistas e previdenciários, assim como no treinamento dos trabalhadores para atuação nas mais diversas áreas da movimentação de mercadorias. “A segurança é uma prioridade para se evitar acidentes e consequentemente lesões dos trabalhadores”, disse.

O dirigente sindical citou que existem situações de atuação laboral em que só podem ter acesso trabalhadores com treinamento específico, observadas todas as variantes de risco como o índice de presença de gases, como é o caso dos ambientes de armazenamento e secagem de grãos.

Em sendo Toledo o maior produtor de alimentos do Paraná, o Sintomege tem atuação importante no suporte à cadeia produtiva, especialmente no setor de grãos. “Nossos trabalhadores põem literalmente a ‘mão na massa’, do tratamento das sementes ao período em que a grande produção do campo chega aos grandes armazéns das cooperativas e empresas do setor”, finalizou.