Está na hora da Copa do Brasil dos clássicos e da maior fase de oitavas de finais da história da competição


Foto: Toledo News

Promessa de muita emoção na fase de oitavas de finais da Copa do Brasil de 2022. Os confrontos desta fase tem início nesta quarta-feira (22) e prometem muita emoção, rivalidade e principalmente bom futebol.

O grande destaque das oitavas serão os clássicos. Teremos quatro disputas entre rivais estaduais. Tem clássico em Goiânia-GO, com Atlético Goianiense e Goiás, em Fortaleza, com Ceará e Fortaleza e em São Paulo, com Santos e Corinthians e Palmeiras e São Paulo.

Goiás x Atlético Goianiense

O clássico goiano parece não gerar grande repercussão, mas coloca frente a frente uma forte rivalidade estadual que tem se acirrado nos últimos anos com o crescimento do Atlético-GO, que passou a ser figura carimbada na Série A do Campeonato Brasileiro.

Em 2022 a rivalidade se acentuou com os dois clubes decidindo o Campeonato Goiano. Na ocasião, o Atlético estava melhor estruturado e venceu as duas partidas, com direito a volta olímpica na Serrinha e vitória por 03 x 01, no entanto houve polêmica de arbitragem.

No Brasileirão o Goiás cresceu com a chegada do técnico Jair Ventura e venceu o clássico por 01 x 00 em pleno Estádio Antônio Accioly. Para os confrontos da Copa do Brasil a expectativa é de muito equilíbrio, visto que os dois times estão bem organizados e tem ido bem dentro de suas propostas e realidades.

Palpite para o confronto: Atlético Goianiense

Ceará x Fortaleza

Os dois clubes cearenses cresceram muito nos últimos anos e estão vivendo os melhores momentos de suas histórias. O Ceará está disputando a Série A desde 2018 e chega ao seu quinto ano consecutivo na elite do futebol nacional. O Fortaleza retornou à Série A em 2019 e também vive anos brilhantes.

Nos últimos anos, o Fortaleza conquistou duas Copas do Nordeste, chegou a sua primeira Libertadores e conseguiu uma vaga nas oitavas de finais, que será disputada no meio dos confrontos contra o seu arquirrival.

O Ceará não chegou a Libertadores, mas disputa a Copa Sul-americana pelo segundo ano seguido e nesta temporada venceu todos os jogos da primeira fase, eliminando o tradicional Independiente da Argentina. A equipe também joga as oitavas de finais no meio do confronto contra o seu rival.

No clássico disputado no Brasileirão o Ceará venceu por 01 x 00 e parece saber como enfrentar o Fortaleza.

Apesar do ótimo momento, nem tudo são flores, já que o Ceará trocou de treinador recentemente e o Fortaleza está na zona de rebaixamento do Brasileiro e pressionado pela torcida pelo início ruim no Campeonato. Todos esses ingredientes, aliados ao Castelão lotado tornam o confronto imenso.

Palpite para o confronto: Fortaleza

Santos x Corinthians

Santos e Corinthians fazem um grande confronto em um clássico que coloca frente a frente dois rivais paulistas. As duas equipes começaram o ano mal, com participações ruins no Paulistão. O Santos quase foi rebaixado e o Corinthians até chegou a semifinal, mas demonstrando um futebol longe do esperado para o grande elenco que tem.

No Brasileiro as duas equipes cresceram. O ‘Coringão’ com a evolução do trabalho do técnico português Vitor Pereira e o Santos com uma nova identidade em um trabalho do treinador Fabián Bustos, além é claro da grande contribuição do goleiro João Paulo e de uma nova leva de ‘Meninos da Vila’.

Os dois times passaram nas competições continentais, Santos na Sul-americana e Corinthians na Libertadores e terão esses confrontos no meio das partidas da Copa do Brasil. O time da capital paulista tem um confronto duríssimo contra o Boca Juniors, enquanto o Santos tem uma missão mais tranquila contra o Deportivo Táchira. Por tudo isso, a promessa é de dois grandes jogos.

Palpite para o confronto: Corinthians

Palmeiras x São Paulo

São Paulo e Palmeiras fazem mais um clássico com rivalidade acirrada. Os dois times se enfrentaram na final do Paulistão e na ocasião, o ‘Tricolor’ fez um grande primeiro jogo no Morumbi, com vitória por 03 x 01, mas na volta o ‘Verdão’ atropelou com um 04 x 00 acachapante e ficou com o título.

No Brasileirão o São Paulo tem sido um time difícil de ser batido, mas ainda empata muito, já o Palmeiras lidera com três pontos de vantagem para o vice-líder e com um futebol que está sobrando em relação aos rivais.

Na segunda-feira, 20, a rivalidade dos dois times aumentou com um confronto pelo Brasileirão. O Palmeiras venceu no Morumbi por 02 x 01. Detalhe, a vitória foi de virada e com gols aos 44 e 50 do segundo tempo.

O confronto promete muita coisa. Um São Paulo competitivo, mas ainda oscilando e um Palmeiras voando, mas que também pode sentir na parte física pela grande sequência de jogos.

Palpite para o confronto: Palmeiras

Outros confrontos

Nem só de clássicos vive a Copa do Brasil! Também teremos confrontos com rivalidades nacionais, como Flamengo e Atlético Mineiro, talvez a maior rivalidade interestadual do país. Ainda jogam Cruzeiro x Fluminense, Botafogo x América Mineiro e Athletico Paranaense x Bahia.

Flamengo x Atlético Mineiro

Os dois times têm elencos galáticos e entram em todas as competições como favoritos, mas estão jogando muito abaixo do que podem na temporada. O Flamengo tem Dorival Júnior em início de trabalho e um time aparentando um fim de ciclo e precisando de uma renovação mais profunda. O ‘Galo’ tem Antonio Mohamed desde o início do ano, mas a equipe ainda não repetiu as boas atuações do time de Cuca em 2021.

A rivalidade foi novamente acentuada no último fim de semana com um confronto pelo Campeonato Brasileiro. Jogando em casa, o Atlético fez 02 x 00 e demonstrou estar um pouco mais organizado.

Palpite para o confronto: Atlético Mineiro

Fluminense x Cruzeiro

Mais um confronto gigante entre duas camisas pesadíssimas do futebol brasileiro. O Cruzeiro está na Série B, no entanto faz um ótimo ano, com atuações consistentes em todas as competições e pode atrapalhar a vida do Fluminense. Por outro lado, o ‘Tricolor’ tem um trabalho ainda no começo de Fernando Diniz e que demonstra um futebol interessante, apesar de certa oscilação. Promessa de confronto equilibrado e decidido no detalhe.

Palpite para o confronto: Fluminense

Botafogo x América Mineiro

Na opinião deste colunista o confronto mais equilibrado desta fase. Duas equipes que ainda não empolgaram no ano, no entanto com torcidas com expectativas diferentes. A torcida do time mineiro parece entender que o trabalho está sendo bem feito e que apesar de alguns tropeços recentes, o projeto tem um bom horizonte. O Botafogo venceu os dois últimos jogos, mas há uma semana estava na zona do rebaixamento da Série A e conviveu com protestos da torcida, que esperava mais do time que começou a receber investimentos feitos pelo dono John Textor. Todas essas nuances apontam para um confronto com grande equilíbrio.

Palpite para o confronto: Botafogo

Athletico Paranaense x Bahia

Esse pode ser considerado o confronto mais desigual das oitavas de finais da Copa do Brasil. O Bahia está na Série B e tem um elenco inferior ao do Athletico Paranaense, que se reforçou para a temporada e está na Libertadores.

O Bahia faz uma Série B consistente e tem tudo para subir com tranquilidade, porém o ‘Furacão’ parece mais preparado para passar. Mesmo sendo o duelo mais desigual, o Tricolor Baiano pode jogar de igual para igual e quem sabe até se classificar.

Palpite para o confronto: Athletico Paranaense

Após a definição dos classificados este colunista voltará a escrever sobre a Copa do Brasil, com uma análise completa sobre todos os confrontos. Aí também poderemos analisar se os palpites foram assertivos ou não.

* As informações contidas nos artigos de colunistas, não necessáriamente, expressam a opinião do Toledo News.

Kelvin Polasso

Kelvin Polasso é jornalista, formado em 2018 no Campus de Toledo do Centro Universitário FAG. Atualmente cursa marketing no Centro Universitário Uningá. No momento atua na área jornalística e tem experiência na cobertura de eventos esportivos em Toledo e no Paraná. Kelvin não esconde o seu amor, paixão e entusiasmo quando fala sobre esporte e também deixa evidente que torce pelo Grêmio, mas podem ficar tranquilos que quando houver alguma análise a sua ‘alma castelhana’ não irá pesar.